× AUDIBMWCITROENCHEVROLETFORDFIATHONDAHYUNDAIMERCEDES BENZMITSUBISHINISSANPEUGEOTRENAULTTOYOTAVOLVOVOLKSWAGEN

Latin NCAP: Volkswagen T-Cross e Toyota Yaris passam no teste de impacto

Quinta Marcha
Quinta Marcha
Admin
Mensagens : 425
Data de inscrição : 08/03/2019
http://quintamarcha.forumeiros.com
28032019
Latin NCAP: Volkswagen T-Cross e Toyota Yaris passam no teste de impacto

Latin NCAP: Volkswagen T-Cross e Toyota Yaris passam no teste de impacto Crash-10

SUV compacto segue resultado do Polo e do Virtus; sedã japonês não vai tão bem

A Volkswagen adotou a estratégia de entregar seus novos carros para o Latin NCAP realizar testes de segurança junto com o lançamento do modelo. Foi assim com Polo e Virtus, e agora é a vez do T-Cross. O SUV compacto está sendo apresentado à imprensa na versão 1.0 TSI e, ao mesmo tempo, o Latin NCAP divulga o resultado do crossover da VW e também do Toyota Yaris. Enquanto o utilitário recebeu nota máxima, o sedã foi avaliado com 4 estrelas do total de 5.


Nas concessionárias a partir do início de abril, o Volkswagen T-Cross segue a tendência da marca de apostar em carros mais seguros – ainda mais porque será um modelo de exportação para 50 países. Por isso a fabricante cedeu uma unidade para que o Latin NCAP realizasse os testes de colisão. O resultado não fugiu do que foi visto com Polo e Virtus, apresentando uma estrutura estável e, como possui controle de estabilidade de série, pôde receber nota acima de três estrelas.

De acordo com o Latin NCAP, o SUV compacto mostrou boa proteção para adultos de modo geral, com os piores pontos sendo considerados "adequados" (o segundo melhor resultado) na região das pernas, por conta da deformação da estrutura que faz com que o painel se aproxime do motorista. O peito do motorista também recebeu nota “adequada”, com boa proteção feita tanto pelo airbag frontal quanto pelo lateral. Foi elogiado pela segurança no impacto lateral, por proteger bem com o uso dos airbags e a estrutura aguentar a colisão sem abrir as portas.


Já o Toyota Yaris não foi tão bem assim, recebendo nota 4 do total de 5. O Latin NCAP explica que o carro teve uma proteção “marginal” na região do peito do motorista, assim como nas pernas do condutor, por conta de estruturas perigosas atrás do painel. A área dos pés foi considerada instável, com risco de intrusão.

Fotos: divulgação
Compartilhar este artigo em:diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

Comentários

Nenhum comentário.

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum